Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Campeão de poker morre com dose de heroína e cocaína 13 vezes superior ao normal

Autópsia revela 651 miligramas por litro de sangue. Bastam 50 mlg/l para matar.
30 de Novembro de 2018 às 16:31
Campeão de poker morre com dose de heroína e cocaína 13 vezes superior ao normal
Campeão de poker morre com dose de heroína e cocaína 13 vezes superior ao normal
Campeão de poker morre com dose de heroína e cocaína 13 vezes superior ao normal
Campeão de poker morre com dose de heroína e cocaína 13 vezes superior ao normal
Campeão de poker morre com dose de heroína e cocaína 13 vezes superior ao normal
Campeão de poker morre com dose de heroína e cocaína 13 vezes superior ao normal
Campeão de poker morre com dose de heroína e cocaína 13 vezes superior ao normal
Campeão de poker morre com dose de heroína e cocaína 13 vezes superior ao normal
Campeão de poker morre com dose de heroína e cocaína 13 vezes superior ao normal
Antigo estudante inglês, que se tornou num dos melhores jogadores de poker do mundo, morreu depois de ter consumido um dose letal de cocaína e heroína, 13 vezes superior ao suportado pelo organismo humano.

Elliott Blackburne, 32 anos de idade, estava no apartamento do amigo George Booth. Os dois amigos beberam uma garrafa de vinho, nas primeiras horas do dia 13 de dezembro, de 2017. George Booth acabou por encontrar o corpo do amigo, morto, durante a tarde desse mesmo dia, num quarto do apartamento.

As autoridades revelaram agora o resultado de um inquérito que conclui que a morte de Blackburne, natural de Altrincham, Manchester, foi provocada pelo consumo de heroína e cocaína. Uma dose fatal, 13 vezes superior ao suportado por qualquer pessoa.

A autópsia concluiu que Elliott Blackburne tinha 651 miligramas de heroína e cocaína por cada litro de sangue. Se considerarmos que 50 miligramas por litro podem ser fatais para um consumidor inexperiente e que 200 miligramas costumam matar um toxicodependente com tolerância às drogas, a quantidade consumida por Elliott foi simplesmente explosiva.

A namorada de Elliott, Kirsty Gallagher, tentou ligar-lhe. Booth encontrou o corpo do amigo quando foi averiguar porque o telefone continuava a tocar sem que ninguém atendesse. De seguida enviou uma mensagem pelo telefone ao grupo de amigos: "Não são boas notícias."
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)