Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Capitão Tom Moore, veterano da II Guerra Mundial, internado com Covid-19

Homem de 100 anos ajudou a angariar milhões de euros para o serviço e saúde britânico para combater a pandemia da Covid-19.
Correio da Manhã 31 de Janeiro de 2021 às 18:51
Tom Moore
Tom Moore FOTO: Getty
O capitão Tom Moore, o veterano de 100 anos da Segunda Guerra Mundial, testou positivo para a Covid-19 e foi internado num hospital no Reino Unido, este domingo. 

O homem que ajudou a angariar milhões de euros para os serviços de saúde do Reino Unido para combater a pandemia da Covid-19 está infetado desde a semana passada mas devido a complicações resultantes da infeção teve que ser internado, este domingo, avança o The Guardian.

A informação é avançada pela filha de Tom Moore, no Twitter, que dá conta que ele estava a ser tratado em casa mas após sentir dificuldade respiratória teve que ser internado, mas a família mantém a esperança que o veterano vai voltar para casa o mais rapidamente possível. 

Tom Moore conseguiu arrecadar, na primeira vaga da pandemia da Covid-19, mais de 42 milhões de euros para instituições do serviço de saúde britânico, depois de prometer aos fãs dar cem voltas a um jardim no 100º aniversáro. Com esta iniciativa, Tom Moore, venceu dois recordes do Guinness: tornou-se a pessoa mais velha em paradas no Reino Unido e a pessoa que arrecadou mais dinheiro numa caminhada de caridade. 

O veterano de 100 anos foi nomeado cavaleiro pela rainha Isabel II, de Inglaterra. 
Tom Moore Reino Unido II Guerra Segunda Covid-19 questões sociais
Ver comentários