Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Chefe da Proteção de Menores diz que mulheres podem engravidar na piscina de um "tipo forte de espermatozóide"

Mulher é chefe da Comissão de Proteção de Menores na Indonésia.
25 de Fevereiro de 2020 às 15:11
FOTO: Twitter
A chefe da comissão de proteção de menores da Indonésia alegou que as mulheres podem engravidar ao nadar numa piscina com homens que têm "um tipo especialmente forte de espermatozoide".

Sitti Hikmawatty fez a declaração durante uma entrevista ao site Tribun Jakarta na semana passada e está a agora a enfrentar vários pedidos para que se demita.
"Existe um tipo especialmente forte de espermatozoides que pode causar gravidez nas piscinas. Mesmo sem penetração, os homens podem excitar-se e ejacular, causando uma gravidez", afirmou Sitti.

"Se as mulheres estão numa fase sexualmente ativa, a gravidez pode ocorrer. Ninguém sabe como é que os homens reagem ao ver mulheres numa piscina", acrescentou.

Segundo o Jakarta Post, o executivo da Associação de Médicos da Indonésia disse que era "impossível" que as mulheres engravidassem na piscina, até porque o cloro e outros produtos químicos não permitem que o esperma sobreviva.
Indonésia política saúde chefe proteção de menores engravidar piscina
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)