Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

China ocultou dados sobre coronavírus à OMS

Registos mostram dificuldade em obter informações.
Ricardo Ramos 3 de Junho de 2020 às 08:22
Coronavírus
Coronavírus FOTO: Reuters
Registos internos da OMS mostram que a organização lutou para obter informações cruciais da China nos primeiras dias da pandemia, dificultando a sua resposta.

De acordo com os registos de reuniões e emails obtidos pela Associated Press, peritos da OMS manifestaram a 6 de janeiro a sua preocupação por o regime de Pequim não estar a partilhar os dados necessários para avaliar o risco representado pelo novo vírus.

"Só recebemos informações mínimas", queixa-se a epidemiologista Maria von Kerkhove, enquanto o delegado da OMS na China afirma: "Dão-nos a informação 15 minutos antes dela aparecer na CCTV [televisão estatal chinesa]".

Apesar de publicamente elogiar a cooperação da China, também o chefe de emergência da OMS, Michael Ryan, foi igualmente crítico em privado. "Isto não aconteceu no Congo [epidemia de ébola]. Precisamos de ver os dados. É absolutamente crucial", afirmou.
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
China OMS política organizações de saúde organizações de saúde organizações internacionais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)