Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Cinco pessoas condenadas à morte pelo assassinato do jornalista Jamal Khashoggi

Outras três pessoas foram condenadas a 24 anos de prisão pelo mesmo crime. Khashoggi morreu a 2 de outubro de 2018 no consulado da Arábia Saudita em Istambul.
SÁBADO 23 de Dezembro de 2019 às 10:05
O Jornalista Jamal Khashoggi
O jornalista Jamal Khashoggi
Jamal Khashoggi
O Jornalista Jamal Khashoggi
O jornalista Jamal Khashoggi
Jamal Khashoggi
O Jornalista Jamal Khashoggi
O jornalista Jamal Khashoggi
Jamal Khashoggi
Um tribunal saudita condenou esta segunda-feira cinco pessoas à morte pelo assassinato do jornalista Jamal Khashoggi, avança a BBC. Outras três pessoas foram condenadas a 24 anos de prisão pelo mesmo crime.

Inicialmente, a Bloomberg avançou que tinham sido condenados os 11 suspeitos do assassínio de Khashoggi. No entanto, os três acusados mais próximos do príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohammed bin Salman, foram ilibados: Saud al-Qahtani, antigo conselheiro do príncipe, Ahmed Alassiri , oficial de inteligência saudita, e Mohammed al-Otaibi, general do consulado de Istambul na altura em que o crime ocorreu. 

Em janeiro, o procurador-geral da Arábia Saudita tinha pedido a pena de morte para cinco dos 11 suspeitos acusados do assassínio do jornalista, no início do seu julgamento num tribunal de Riade. 

Já em novembro de 2018, o Ministério Público saudita tinha anunciado que iria pedir pena de morte para cinco dos 11 suspeitos.

Jamal Khashoggi foi assassinado a 2 de outubro por agentes sauditas no consulado do reino em Istambul. O assassínio do jornalista crítico do poder em Riade teve impacto a nível mundial.

Após ter inicialmente negado a morte do jornalista, Riade indicou que ele tinha sido morto durante uma "operação fora de controlo" do Estado, supervisionada por dois altos responsáveis que foram destituídos depois.

Ancara, no entanto, acusou os "mais altos níveis" do Estado saudita. Media turcos e norte-americanos, assim como a CIA, suspeitam que o príncipe herdeiro Mohammed bin Salman patrocinou a operação contra Jamal Khashoggi.

julgamentos lei internacional crime lei e justiça Estado Riade BBC Jamal Khashoggi
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)