Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca

País tem sido alvo de uma constante pressão por parte dos Estados Unidos, principal destinatário da cocaína.
Correio da Manhã 10 de Fevereiro de 2020 às 17:38
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca
Colômbia quer destruir 130 mil hectares de plantações de coca

A Colômbia espera erradicar já este ano 130 mil hectares de coca, o ingrediente base da cocaína. O anúncio foi feito pelo ministro da Defesa colombiano, Carlos Holmes Trujillo, esta segunda-feira.

A remoção das plantas de cocaína será feita através do recurso a uma variedade de ferramentas, incluindo a possível reintrodução da pulverização aérea com o herbicida glisofato, ação suspensa em 2015 depois do aviso da Organização Mundial da Saúde para o perigo do produto para o meio ambiente e para a saúde.

O país tem sido alvo de uma constante pressão por parte dos Estados Unidos, principal destinatário da cocaína, para reduzir o cultivo de coca no país desde o final de 2017, quando a área ocupada pelas plantações atingiu os 209 mil hectares.

De acordo com o governo norte-americano, as plantações de 2017 tinham capacidade para produzir 921 toneladas de cocaína.

"Em relação à meta de erradicação, estabelecemos uma meta de 130 mil hectares, levando em consideração todas as ferramentas disponíveis", disse Trujillo a jornalistas.

A meta para a erradicação da coca em 2020 é 30% superior à do ano anterior, quando o país conseguiu destruir pouco mais de 100 mil hectares de coca, recorrendo a técnicas de remoção manual.

O narcotráfico é responsável pelos conflitos armados internos da Colômbia.

Ver comentários