Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

‘Conto de fadas’ chega ao fim na Nova Zelândia com novos casos de Covid-19

Quarentena regressa após 102 dias sem novos casos.
Ricardo Ramos 12 de Agosto de 2020 às 08:37
Jacinda Ardern ordenou confinamento apesar do reduzido número de casos
Lei visa travar êxodo do México
Jacinda Ardern ordenou confinamento apesar do reduzido número de casos
Lei visa travar êxodo do México
Jacinda Ardern ordenou confinamento apesar do reduzido número de casos
Lei visa travar êxodo do México
A Nova Zelândia, o primeiro país a declarar-se ‘livre’ da Covid-19 e considerado como um exemplo mundial de eficácia no combate à pandemia, voltou esta terça-feira a confinar a sua maior cidade, Auckland, e decretou o alerta máximo em todo o país após o aparecimento dos primeiros casos de transmissão comunitária em 102 dias.

Até agora foram confirmados quatro casos de infeção, todos na mesma família, mas a origem do surto é desconhecida, o que faz as autoridades temerem que haja mais casos por detetar. Por precaução, a primeira-ministra Jacinda Ardern decretou o confinamento imediato de Auckland até ao final da semana, com os moradores aconselhados a ficarem em casa, as escolas fechadas e os ajuntamentos limitados a 10 pessoas.

Até este novo surto, o país tinha pouco mais de 1500 infetados e 22 mortes, e não registava qualquer novo caso desde 1 de maio.

pormenores
20 milhões de infetados
O Mundo ultrapassou esta terça-feira a marca dos 20 milhões de infetados pelo novo coronavírus. O continente americano é o mais afetado, com cerca de metade das infeções, em grande parte devido aos EUA e ao Brasil, que representam quatro em cada dez casos mundiais.

França na direção errada
O PM francês Jean Castex avisou esta terça-feira que a taxa de infeção do país “está a ir na direção errada” e é preciso uma resposta coletiva para evitar que a situação fique fora de controlo.

Alerta nos Países Baixos
O número de novos casos de infeção por coronavírus confirmados nos Países Baixos aumentou 55% numa semana, passando de 2588 para 4036.

Vírus congelado
As autoridades chinesas encontraram o novo coronavírus em embalagens de marisco congelado provenientes da cidade portuária de Dalian, onde foi registado um surto de Covid-19.

Trump quer barrar americanos infetados
A administração Trump está a considerar a possibilidade de barrar a entrada no país de cidadãos norte-americanos ou residentes permanentes suspeitos de estarem infetados com o novo coronavírus. Entre os principais visados estarão milhares de pessoas com dupla nacionalidade mexicana e americana que têm fugido para os EUA devido ao avanço da pandemia no México. 
Nova Zelândia Covid-19 Auckland EUA Países Baixos Trump saúde
Ver comentários