Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Covid-19 apareceu há menos de um ano e já matou um milhão de pessoas

Estados Unidos registam os números mais elevados com mais de sete milhões de infetados com o novo coronavírus.
Correio da Manhã 27 de Setembro de 2020 às 16:57
Pandemia da Covid-19 em Lisboa
Pandemia da Covid-19 em Lisboa FOTO: Getty Images
O mundo atingiu este domingo, a menos de um ano do aparecimento do coronavírus, o recorde de um milhão de mortes causadas pela Covid-19.

Entre os países mais atingidos com a doença os Estados Unidos da América lideram o ranking com quase 210 mil mortes e sete milhões de casos do novo coronavírus. De seguida a Índia e o Brasil ficam no pódio dos países mais afetados com a doença.

Na Europa o país com números mais dramáticos com a doença é a Espanha atingindo as 31 mil mortes com a Covid-19.

Portugal registou este domingo 1953 mortes e 73 604 casos de infeção.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.
Covid-19 Portugal questões sociais
Ver comentários