Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Detido suspeito de atirar a matar em seis pessoas numa parada do 4 de Julho em Chicago

Homem fugiu e após uma breve perseguição as autoridades conseguiram pará-lo o e prendê-lo.
Correio da Manhã 5 de Julho de 2022 às 00:57
A carregar o vídeo ...
Detido suspeito de atirar a matar em seis pessoas numa parada do 4 de Julho em Chicago
Robert E. Crimo III, de 22 anos, suspeito de ter matado a tiro 6 seis pessoas e ferido 24 durante uma parada do 4 de Julho (Dia da Independência nos EUA), em Highland Park, Chicago, foi detido esta terça-feira numa operação de trânsito.

De acordo com a polícia de Chicago, citada pela Sky News, o homem fugiu e após uma breve perseguição as autoridades conseguiram travá-lo e prendê-lo.


O tiroteio desta segunda-feira fez seis mortos e 24 feridos, elevando para 14 o número de mortos nas festividades do Dia da Independência naquela cidade norte-americana, que começaram no sábado.

O desfile foi interrompido pouco depois de ter começado, pelas 10h00 da manhã, quando foram disparados tiros que terão atingido um número indeterminado de participantes que se encontravam no evento. O barulho dos disparos terá sido confundido com os estrondos do fogo de artifício que animava a parada.

Após o massacre, que faz aumentar o número de vítimas em paradas do 4 de Julho na cidade, o governador local decretou o cancelamento de todas as festividades.

Highland Park Robert E. Crimo distúrbios guerras e conflitos crime
Ver comentários
}