Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Devemos deixar de fazer sexo devido ao coronavírus? Especialistas respondem

Saiba quais os cuidados que deve ter antes e após as relações sexuais devido à pandemia.
Beatriz Madaleno de Assunção(beatrizassuncao@cmjornal.pt) 25 de Março de 2020 às 17:01
sexo xxx
Sexo
Casal
sexo xxx
Sexo
Casal
sexo xxx
Sexo
Casal
Neste momento, há milhões de pessoas em casa em todo o mundo, a cumprir o período de quarentena devido ao coronavírus.

E o sexo? Devemos ou não manter relações sexuais durante este período de isolamento? Os especialistas dizem que sim, mas com cuidados redobrados.

As autoridades de saúde de Nova Iorque, nos Estados Unidos, deixaram algumas indicações no que diz respeito à prevenção da transmissão do vírus através das relações sexuais. 

No documento, dedicado à sexualidade, pode ler-se que em primeiro lugar deverá deixar de ter comportamentos de risco como as relações sexuais que não sejam feitas com parceiros de confiança. Isto é, só estará seguro se tiver relações sexuais com alguém que partilhe o momento de quarentena consigo, por forma a não poder apanhar o vírus e transmiti-lo de seguida.

Masturbação
O contágio do coronavírus é muito improvável que seja feito através da masturbação, principalmente se "lavar as suas mãos ou brinquedos sexuais com água e sabão durante cerca de 20 segundos antes e depois", pode ler-se.

Parceiros sexuais online ou ser profissional do sexo
Se faz parte de um destes grupos de pessoas, deverá fazer uma pausa e encontrar opções. Combinar 'encontros' por vídeochamada, trocar mensagens sexuais ou aderir a salas de conversa de grupo para poder conhecer outras pessoas podem ser soluções para si.

Cuidados a ter durante o sexo
Os beijos
Através do beijo, o coronavírus pode ser transmitido. Dessa forma, deverá optar por evitar beijar (durante o sexo e não só) quem não seja do seu círculo próximo e/ou esteja a cumprir quarentena consigo.

Lamber os genitais ou o rabo
Estes dois comportamentos são perigosos no que diz respeito à transmissão do coronavírus. De acordo com as indicações do Centro de Saúde de Nova Iorque.

Para já, não há indicações que o vírus esteja presente no sémen e/ou líquido vaginal. No entanto, está provado que as fezes de uma pessoa contaminada com covid-19 também estão contaminadas, pelo que estes cuidados devem ser redobrados.

Uso do preservativos 
O uso de preservativo já é recomendado para evitar a propagação de doenças sexualmente transmissiveis e a gravidez mas neste caso é determinante uma vez que ajudará à redução do contacto com saliva ou as fezes durante o sexo oral e anal. 

Lavar as mãos
Lavar as mãos, antes e depois de fazer sexo é mais é mais importante do que alguma vez foi, para evitar algum tipo de bactérias.

Quando devemos deixar de fazer sexo?
1. Deverá suspender as relações sexuais caso saiba que o seu parceiro sexual está infetado com coronavírus. Os beijos também deverão ficar suspensos, de acordo com a NYCHealth;

2. Se sentir os sintomas mais comuns do coronavírus - febre, tosse e/ ou dificuldades respiratórias;

3. Se o seu parceiro sexual se encontrar num dos grupos de risco (idade avançada ou patologias como doenças crónicas (cancro; diabetes; doenças do foro imunológico, por exemplo) ou estiver grávida.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)