Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Dinamarquês que matou jornalista confessa ter feito ameaças para fugir da prisão

Peter Madsen ameaçou um psicólogo e um diretor durante a sua fuga da prisão de Herstedveste.
Lusa 21 de Outubro de 2020 às 14:58
Prisão xxx
Prisão xxx FOTO: CMTV
O dinamarquês Peter Madsen, condenado pelo assassínio de uma jornalista sueca no seu submarino, confessou esta quarta-feira ter ameaçado várias pessoas ao tentar escapar de uma prisão em Copenhaga na terça-feira.

Os procuradores disseram que Peter Madsen ameaçou um psicólogo e um diretor durante a sua fuga da prisão de Herstedvester e teria alegadamente apontado um objeto que parecia ser uma arma ao motorista de uma carrinha quando já estava fora das instalações da prisão.

Madsen também disse aos polícias ao ser capturado que detonaria um cinto de explosivos, que se revelou falso, segundo os procuradores.

Peter Madsen Copenhaga crime lei e justiça crime
Ver comentários