Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Diretora de Saúde de Israel demite-se e denuncia "fracasso" do combate ao coronavírus

Siegal renunciou no dia seguinte ao anúncio do ministro da tutela da sua intenção de nomear um responsável para a luta contra a pandemia.
Lusa 7 de Julho de 2020 às 14:31
Siegal Sadetzki
Siegal Sadetzki FOTO: Facebook
Uma responsável do Ministério da Saúde de Israel demitiu-se esta segunda-feira, denunciando o "fracasso" das autoridades em retardar a propagação do novo coronavírus num país em que os casos de infeção continuam a aumentar.

Siegal Sadetzki, diretora dos serviços públicos do Ministério da Saúde, renunciou ao cargo no dia seguinte ao anúncio do ministro da tutela, Yuli Edelstein, da sua intenção de nomear um responsável para a luta contra a pandemia, que lhe retiraria algumas das suas atuais responsabilidades.

"Após sucessos na luta (contra o vírus) a nova política provou ser um fracasso", escreveu Sadetzki, epidemiologista, na sua conta pessoal da rede social Facebook.

Siegal Sadetzki Diretora de Saúde Israel Ministério da Saúde de Israel política governo (sistema)
Ver comentários