Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Doente com cancro terminal cumpre último desejo e casa na cama de hospital

Estavam noivos há 10 anos. Médicos e enfermeiros ajudaram na cerimónia, depois de doença ter sido descoberta há menos de uma semana.
Correio da Manhã 5 de Agosto de 2020 às 16:47
Homem com cancro terminal cumpriu último desejo e casou
Homem com cancro terminal cumpriu último desejo e casou
Homem com cancro terminal cumpriu último desejo e casou
Homem com cancro terminal cumpriu último desejo e casou
Homem com cancro terminal cumpriu último desejo e casou
Homem com cancro terminal cumpriu último desejo e casou

Um homem inglês de 68 anos descobriu, na passada sexta-feira, que tinha cancro no pulmão em estado muito avançado. A doença galopante, e sem hipóteses de sobrevivência, levou Malcolm Eyles a cumprir o seu último desejo em vida: casar com a namorada de longa data, Maureen, de quem estava noivo há 10 anos. A emocionante cerimónia teve lugar no Worcesterhire Acute Royal Hospital, com o noivo na cama de hospital.

Malcolm e a companheira de longa data, Maureen Blackwell, deram o nó depois das devastadoras notícias, e contaram com a ajuda de um grupo de enfermeiras para prepararem o casamento em tão pouco tempo.

As testemunhas e madrinhas foram duas enfermeiras de cardiologia, enquanto médicos e enfermeiros do hospital largaram pétalas para assinalar a troca de votos. No final, e apesar das restrições devido ao novo coronavírus, os noivos puderam trocar o primeiro beijo como casados.

O vídeo foi divulgado nas redes sociais e tem emocionado milhares de pessoas em todo o mundo. "Os nossos parabéns ao casal, por celebrarem casamento ao fim de dez anos de noivado!", lê-se na publicação feita pelo hospital de Manchester.

Maureen Blackwell Malcom Malcom Eyles saúde política cancro doenças