Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Espanha já admite levantar medidas restritivas contra a propagação do coronavírus

Governo estuda regresso gradual à normalidade a partir de 26 de abril.
Ricardo Ramos 9 de Abril de 2020 às 08:47
Governo acredita que os espanhóis vão poder voltar às ruas em breve
Governo acredita que os espanhóis vão poder voltar às ruas em breve FOTO: Marcial Guillen
O governo espanhol equaciona começar a levantar gradualmente as medidas de contenção e isolamento, a partir de 26 de abril, para permitir que os cidadãos possam retomar "pouco a pouco" a sua vida normal.

A garantia foi dada esta quarta-feira pela ministra das Finanças e porta-voz do executivo, María Jesús Montero, que frisou que as restrições serão levantadas de forma gradual e sempre de acordo com as recomendações dos médicos e demais especialistas.

O regresso à normalidade, acrescentou, irá ocorrer de uma maneira "muito progressiva e ordenada (...) para que não voltem a existir picos de infeção".

Apesar de na última semana Espanha ter registado uma queda acentuada no número de mortes e de novos casos, levando as autoridades a afirmar que o país já passou o pico da crise, esta quarta-feira ambos o números voltaram a subir, com registo de 757 óbitos e 6180 novos casos.

PORMENORES
OMS aconselha cautela
A Organização Mundial de Saúde aconselhou os países europeus a terem cautela no levantamento das medidas de contenção, afirmando que os progressos alcançados ainda são "muito frágeis".

4750 mortes em lares
Um total de 4750 pessoas morreram no último mês em lares de idosos da Comunidade de Madrid, mas apenas 781 foram diagnosticados como estando infetados por Covid-19. Só esses é que entraram nas estatísticas.

Filas para sair de Madrid
A polícia registou esta quarta-feira grandes engarrafamentos nas principais saídas de Madrid, com muitas pessoas a tentarem deixar a cidade para passar a quadra pascal com a família, apesar da quarentena em vigor.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)