Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Espanha ultrapassa China em número de mortes por coronavírus

Com 3434 falecidos, Espanha é já o segundo país com mais vítimas, atrás de Itália.
Ricardo Ramos 26 de Março de 2020 às 08:32
Mortes por coronavírus em Espanha
Mortes por coronavírus em Espanha FOTO: EPA

Espanha já ultrapassou a China no número de mortes provocadas pela Covid-19 e é neste momento o segundo país no Mundo com mais vítimas, atrás de Itália. O número de óbitos aumentou esta quarta-feira para os 3434, uma subida de 738 mortes em relação ao dia anterior.

Os casos confirmados eram esta quarta-feira 47 610, uma subida de 7937 face à véspera. A região de Madrid voltou a ganhar a dianteira no número de novos casos (2245), que nos últimos dias pertencia à Catalunha. Apesar dos números, Fernando Simón, coordenador de emergências do Ministério da Saúde, mostrou-se confiante de que o país está prestes a "dobrar a curva" de contágios.

"O objetivo das medidas de confinamento era reduzir os contactos de risco e isso foi conseguido. A mobilidade caiu para 10% do habitual", afirmou, adiantando que a última semana de fevereiro foi "determinante" no contágio.

PORMENORES
Manifestação investigada
Uma juíza de Madrid abriu uma investigação contra o delegado do governo por ter permitido a realização da gigantesca manifestação do Dia da Mulher, a 8 de março, que juntou milhares de participantes na capital espanhola apesar dos alertas das autoridades de saúde.

Lay-off no Corte Inglés
O Corte Inglés anunciou esta quarta-feira o despedimento temporário (lay-off) de 25 900 trabalhadores nas suas lojas de Espanha devido à crise do coronavírus. A medida tem a duração inicial de duas semanas.

Carmen Calvo infetada
O resultado do teste de coronavírus realizado à vice-PM Carmen Calvo deu positivo, revelou esta quarta-feira o governo. Calvo está bem e a receber tratamento.

MUNDO EM PORTUGUÊS
D
ois casos em Bissau
A Guiné-Bissau confirmou esta quarta-feira os dois primeiros casos positivos de Covid-19. Trata-se de um cidadão congolês e outro indiano que no início da semana tinham sido declarados como casos suspeitos. Ambos ainda se encontravam esta quarta-feira em casa, sob vigilância médica, mas deverão ser hospitalizados nas próximas horas, uma vez terminadas as obras de adaptação no hospital Simão Mendes, de Bissau, anunciou o primeiro-ministro, Nuno Nabian.

Moçambique com cinco
O número de pessoas infetadas com Covid-19 em Moçambique subiu esta quarta-feira de três para cinco, anunciaram as autoridades de saúde do país. "Estes novos casos, à semelhança dos anteriores, estão em isolamento domiciliário", afirmou o ministro da Saúde, Armindo Tiago. Os dois novos casos foram diagnosticados por um laboratório privado português, após o envio de amostras de pacientes a partir da sua filial em Maputo, adiantou o ministro. Um total de 61 pessoas que estiveram em contacto com os cinco infetados encontram-se em quarentena domiciliária.

Um unfetado na Praia
As autoridades de saúde de Cabo Verde confirmaram esta quarta-feira o primeiro caso de Covid-19 na capital, a cidade da Praia. Trata-se de um cidadão cabo-verdiano que regressou recentemente de França num voo que fez escala em Lisboa. Além deste caso, Cabo Verde registou até agora outros três casos confirmados, todos na ilha da Boavista, um dos quais, um turista britânico de 62 anos, acabou por morrer. Mais de 270 cabo-verdianos que regressaram recentemente de Portugal, do Brasil e dos EUA encontram-se em quarentena domiciliária.

Emergência em Angola
O governo angolano decretou esta quarta-feira o estado de emergência no país a partir da meia-noite de hoje. Medida impõe restrições à circulação de pessoas em território nacional e a possibilidade de confinamento compulsivo em casa ou estabelecimentos de saúde. Angola regista até ao momento três casos confirmados de infeção por Covid-19.

Lusos desesperam
Dezenas de portugueses que se encontram em Angola à espera de regressar a Portugal, depois de o país africano ter fechado as fronteiras para travar o novo coronavírus, mostram-se frustrados e descontentes face à falta de resposta das entidades portugueses. O consulado de Portugal e a transportadora aérea TAP são os principais visados pelas reclamações. Isilda Reis, luso-angolana que está à procura de um voo para regressar com os pais, de 75 e 72 anos, por estarem mais vulneráveis à Covid-19, contou à Lusa que tem sido muito difícil contactar estas entidades telefonicamente ou por email.

Transportes parados
As autoridades no poder na Guiné-Bissau anunciaram esta quarta-feira a suspensão da circulação dos transportes públicos a partir de hoje em Bissau e a partir de sábado nas outras regiões do país no âmbito do combate à propagação da Covid-19. Apenas os táxis vão poder continuar a circular na capital guineense, anunciou o primeiro-ministro, Nuno Nabian.

VOLTA AO MUNDO
Muralha reaberta
Com o levantar da quarentena, a vida começa a voltar à normalidade na China. Atrações turísticas como a Grande Muralha e o Exército de Terracota já reabriram ao público, mas é preciso levar atestado e medir a febre à entrada.

Novos sintomas?
Olhos avermelhados e comichão ocular, sintomas habituais de conjuntivite, podem também ser sintomas iniciais da infeção com Covid-19, avança um estudo da Academia Americana de Oftalmologia citado pelo ‘Miami Herald’. 

Vaticano sem jornal
Pela terceira vez nos seus quase 160 anos, o ‘L’Osservatore Romano’, jornal oficial do Vaticano, vai deixar de sair para as bancas devido à crise do coronavírus. A edição online mantém-se e os jornalistas vão trabalhar a partir de casa. 

Deputados aplaudem
O Parlamento espanhol deu uma calorosa salva de palmas a Catalina e Pilar, as duas funcionárias da limpeza que desinfetam a tribuna após os discursos dos deputados. "Protegem-nos e dão-nos segurança", disse a presidente do hemiciclo.

Só dois por automóvel
Face à confusão gerada pelas normas de circulação de automóveis durante o estado de emergência, o governo espanhol veio esclarecer que podem andar duas pessoas no mesmo carro, "desde que uma vá à frente e a outra atrás".

Quarentena fofinha
Impedidos de desembarcar em Perth, na Austrália, os 800 passageiros do cruzeiro ‘Vasco da Gama’ vão ficar de quarentena na ilha de Rottnest, a ‘casa’ dos quokkas, os marsupiais mais amistosos e fofinhos da Austrália.

Língua terrorista
No início da semana tornou-se viral um vídeo que mostrava um homem a lamber produtos nas prateleiras de um supermercado nos EUA. Identificado através das imagens, o brincalhão já foi detido pela polícia e vai ser acusado de terrorismo.

Idoso foge de lar
"Fugi para que não chegasse a minha hora." Rafael García, de 89 anos, abandonou a residência para idosos onde vivia, em Madrid, quando soube que seis pessoas já tinham morrido. "Que Deus guarde os que lá ficaram", disse ao ‘El País’.

Recolher obrigatório
O Comando Vermelho, que controla a favela da Cidade de Deus, no Rio de Janeiro, ordenou o recolher obrigatório durante a noite por causa do coronavírus. Traficantes com megafones avisaram que haverá represálias para quem pisar o risco.

Tempo mais incerto
Parece-lhe que previsão meteorológica está mais incerta? A culpa é do coronavírus. Isto porque 13% dos dados usados para fazer as previsões são recolhidos pelos aviões que diariamente cruzam os céus e que agora estão parados.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)