Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Estudo indica que utilizar máscara pode reduzir carga viral e gravidade do coronavírus

No caso de infeção, a doença poderá manifestar-se de forma mais leve ou mesmo assintomática.
Correio da Manhã 13 de Agosto de 2020 às 07:41
Máscaras
Máscaras FOTO: Getty Images
O uso de máscara pode ajudar a reduzir a carga viral e a gravidade do novo coronavírus.

Esta é a conclusão de um novo estudo que indica que utilizar máscara pode reduzir a carga viral à qual estamos expostos. No caso de infeção, a doença poderá manifestar-se de forma mais leve ou mesmo assintomática.

De acordo com a pesquisa realizada pelos médicos Monica Ganchi e Eric Goosby, da Universidade da Califórnia, nos EUA, e pelo investigador Chris Beyer, da Universidade Johns Hopkins, concluiu que a comunidade pode ganhar imunidade e reduzir a propagação da doença caso haja exposição à Covid-19 e utilização de máscara. Para isso, o estudo recorreu a várias situações, nomeadamente grupos que usavam máscara e outros que não usavam e a respetiva carga viral a que estavam expostos. 

Apesar de existirem vários tipo de máscaras, com diferentes composições, a maior parte das partículas virais são filtradas. Mesmo que haja uma baixo nível de exposição, é provável que a doença se manifeste de forma mais leve.

Em termos epidemiológicos, os médicos acreditam a a alta taxa de mortalidade verificada no início da pandemia pode estar associada à elevada exposição à carga viral antes da utilização da máscara.
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
coronavírus pandemia máscara doenças infecciosas carga viral transmissão material de proteção imunidade
Ver comentários