Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Fotógrafo condenado a 28 anos de cadeia por abusar de modelos

Kote Cabezudo partilhava as fotografias das modelos em sites de pornografia, sem consentimento.
27 de Junho de 2022 às 11:20
Kote Cabezudo
Kote Cabezudo
O fotógrafo Kote Cabezudo foi condenado pelo Tribunal Provincial de Guipúzcoa, em Espanha, a 28 anos e dois meses de prisão por crimes de abuso sexual, violação, pornografia infantil e fraude. 

Kote Cabezudo foi julgado entre 7 de março e 13 de abril por abusar de modelos menores de idade, durante sessões fotográficas, partilhando as fotos sem consentimento em sites de pornografia, segundo a imprensa espanhola. 

A sentença, com mais de 339 páginas, leva ao tribunal a considerar o fotógrafo responsável de um total de dez crimes, embora tenha sido absolvido de outros 217.
Tribunal Provincial de  Guipúzcoa Tribunal Provincial de  Guipúzcoa crime lei e justiça
Ver comentários
}