Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Gordon Ramsay despede mais de 500 funcionários

Famoso chef fecha 12 restaurantes em Londres devido ao surto de coronavírus e informa funcionários que contrato terminou.
Vânia Nunes 29 de Março de 2020 às 09:20
Gordon Ramsay
Gordon Ramsay FOTO: Direitos Reservados

Gordon Ramsay, um dos chefs mais conhecidos do mundo, estrela dos programas ‘Masterchef’ e ‘Hell’s Kitchen’, fechou 12 restaurantes em Londres, devido ao coronavírus, e despediu mais de 500 funcionários, gerando muita revolta.

A chef Ana Torpuc é um dos rostos do desespero. "Todos trabalhámos arduamente para o Gordon Ramsay mas quando mais precisamos do seu apoio, ele livra-se de nós. Não houve qualquer aviso", revelou ao ‘Daily Mail’.

De acordo com a publicação, o chef reuniu cozinheiros, empregados de mesa e outros elementos do staff e informou-os que os seus contratos tinham chegado ao fim. Depois, todos receberam um email que garantia que receberiam o salário até ao dia 17 de abril e não deu qualquer esperança que pudesse voltar a contar com eles quando reabrisse os espaços.

Com uma fortuna avaliada em mais de 150 milhões de euros, Ramsay ainda não se pronunciou sobre os despedimentos, deixando apenas uma nota no Instagram a anunciar o encerramento dos restaurantes.

Gordon Ramsay Gordon Ramsay Hell’s Kitchen Londres economia negócios e finanças
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)