Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Governo da Guiné Equatorial demitiu-se em bloco

Pedido de demissão surge na sequência da reunião desta manhã.
Lusa 14 de Agosto de 2020 às 18:59
Guiné Equatorial
Guiné Equatorial FOTO: Getty Images
O Governo da Guiné Equatorial, liderado pelo primeiro-ministro Francisco Pascual Obama Asue, apresentou a sua demissão em bloco, segundo o porta-voz do executivo, que confirmou informações veiculadas desde o início da tarde de hoje pela imprensa local.

Em declarações aos jornalistas, o ministro da Comunicação e porta-voz do Governo em funções, Eugenio Nze Obiang, explicou que o pedido de demissão do executivo aconteceu durante uma reunião extraordinária do Conselho de Ministros, presidida pelo Presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang, que decorreu durante a manhã de hoje, no Palácio do Povo, em Malabo, capital.

Durante a reunião, o primeiro-ministro, Francisco Pascual Obama Asue, informou Obiang que os membros do Governo punham os cargos à disposição para que o chefe de Estado e Presidente do Conselho de Ministros "tenha liberdade para dirigir melhor a próxima fase" do desenvolvimento no país.

Guiné Equatorial governo demissão
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)