Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Há 52 pessoas infetadas com coronavírus no Brasil

Situação mais grave continua a ser na cidade de São Paulo, onde se regista mais da metade do total de casos.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 11 de Março de 2020 às 23:24
Coronavírus
Coronavírus FOTO: Getty Images

Os casos oficialmente confirmados de coronavírus no Brasil chegaram esta quarta-feira a 52, num substancial aumento em relação ao dia anterior. Os dados foram divulgados no final da tarde pelo Ministério da Saúde brasileiro, que tem feito conferências de imprensa diárias sobre o avanço da doença no país.

Os novos números da doença revelam um aumento de 17 casos em apenas 24 horas, já que na tarde de terça-feira o número oficial de pessoas com a doença era de 35. Além dos 52 casos agora confirmados pelas autoridades de saúde, existem outros 907 suspeitos, de acordo com o mesmo boletim divulgado esta quarta.

A situação mais grave continua a ser na cidade de São Paulo, a maior do Brasil, que sozinha já regista mais da metade do total de casos, 30. Em segundo lugar está o Rio de Janeiro, onde até esta quarta-feira foram confirmados 13 casos.

Entretanto, medidas restritivas começam a ser tomadas em vários locais, tentando evitar a propagação indiscriminada da doença. Em Brasília, o Congresso Nacional decidiu restringir as visitas de centenas de cidadãos que diariamente vão conhecer o parlamento, e a Universidade de São Paulo, a famosa USP, suspendeu as aulas de todas as turmas do curso de Geografia depois de um aluno ter sido diagnosticado com a doença.

Até agora não há uma decisão oficial do governo central sobre paralisação de aulas ou eventos que reúnam muitas pessoas, mas colégios particulares e escolas públicas por todo o país têm decidido suspender as atividades por conta própria após algum caso confirmado ou mesmo apenas suspeito.

Congressos, seminários e outros eventos que reuniriam grande número de participantes também têm sido cancelados ou adiados por iniciativa dos organizadores, e, como acontece em quase todos os países atingidos pelo coronavírus, já não se encontra álcool gel em farmácias nem supermercados.
Brasil Ministério da Saúde saúde questões sociais doenças política
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)