Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Homem infetado com Covid-19 preso no Brasil depois de propagar várias vezes o vírus

Suspeito cuspiu nas próprias mãos e esfregou-as de seguida em maçanetas de casa e automóveis.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 7 de Março de 2021 às 15:57
Polícia brasileira
Polícia brasileira FOTO: Getty Images
Um homem diagnosticado pelos médicos com Covid-19 e autorizado a ir para casa e ficar em isolamento, ao invés disso decidiu espalhar o vírus que o infetou por toda a cidade onde vive, Planalto, no estado brasileiro do Rio Grande do Sul. Em poucas horas, o homem foi detido duas vezes pela polícia e só a segunda parou a sua atitude criminosa, por ter sido internado à força.

Foram câmaras de videovigilância instaladas em ruas da cidade que detetaram a estranha atitude do homem depois de ter recebido o diagnóstico de que estava com Covid-19. Começou a andar por várias ruas de Planalto cuspindo nas próprias mãos e depois esfregando-as em maçanetas de casas e de automóveis e em outras superfícies que pudessem contaminar quem as tocasse.

Localizado e detido pela polícia local, foi levado para a esquadra, acusado de crime contra regras sanitárias e, depois de assinar um termo circunstanciado prometendo não fazer mais aquilo, foi autorizado novamente a ir para casa. Mas, em vez disso, ele foi para uma cidade vizinha, Iraí, e começou a repetir o mesmo gesto, cuspindo nas mãos e esfregando-as onde imaginou que pudesse contaminar outras pessoas.

Novamente localizado e detido, desta vez ele não ficou solto. Com uma autorização da justiça, a polícia levou-o para o hospital e os médicos, também por determinação judicial, internaram-no compulsoriamente, e vai ficar sob escolta para se ter a certeza de que só sai dali quando estiver curado e não puder infetar mais ninguém.

O Rio Grande do Sul, no extremo sul do Brasil, é uma das regiões do país mais atingidas pela Covid-19. O estado inteiro está em confinamento e com recolher obrigatório para tentar reduzir o ritmo de propagação do coronavírus, mas diariamente morrem perto de 200 pessoas devido à Covid-19 e a rede pública de hospitais já atingiu a saturação, trabalhando muitas unidades acima dos 100% de ocupação de camas para doentes graves.
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Covid-19 Brasil Planalto Rio Grande do Sul questões sociais crime lei e justiça política polícia
Ver comentários