Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Homem voa até ao Brasil para ter sexo com jovem de 14 anos e acaba preso. Mãe sabia de tudo  

Investigação do caso permitiu concluir que a menor era sujeita à prostituição para a família ganhar dinheiro.
Correio da Manhã 18 de Janeiro de 2021 às 20:05
Mulher
Mulher

Um homem norte-americano, que voou para o Brasil para ter sexo com uma jovem de 14 anos, foi detido.

A polícia foi alertada para o facto de que um turista americano tinha sido visto com uma jovem que não parecia ser sua filha e, ao aceder às imagens de videovigilância de um hotel de luxo em Copacabana, no Rio de Janeiro, observaram o homem a beijar e acariciar a menina. Jason Roy Hutchinson, de 47 anos e natural do estado norte-americano da Califórnia, acabou por ser apanhado em flagrante a ter relações sexuais com a menor. Tinha pago os bilhetes de avião de São Paulo, de onde a família é natural, para o Rio de Janeiro à mãe, à menor e ao irmão de dois anos. A mãe da jovem estava no quarto ao lado com o outro filho.

O jornal brasileiro O Globo avança que a investigação do caso permitiu concluir que a menor era submetida a prostituição para a família ganhar dinheiro.

"Diante todas as provas recolhidas, acreditamos que a vítima tinha vindo a ser explorada sexualmente há algum tempo, já que a mãe não trabalha e acompanha a filha em diversas viagens. Ela, inclusive, instruía-a sobre como agir com os clientes", revelou o delegado do caso ao mesmo jornal.

O homem, que disse não estar a par da idade da adolescente, e a mãe foram processados pelo crime de favorecimento da prostituição.

Brasil Rio de Janeiro São Paulo Copacabana hotel voo relações sexuais menor
Ver comentários