Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Infeção da Covid-19 agrava risco de doença mental e distúrbio cerebral, conclui estudo

Uma em cada oito pessoas que contraem o coronavírus têm a primeira doença psiquiátrica ou neurológica dentro de seis meses.
Correio da Manhã 26 de Janeiro de 2021 às 12:52
Cérebro
Cérebro FOTO: Direitos Reservados
Um estudo norte-americano revelou que uma em cada oito pessoas que contraíram a Covid-19 desenvolveram doenças psíquicas e neurológicas seis meses após testarem positivo à doença, isto significa uma incidência dessas condições em 33,6%, avança o The Guardian.

O doutor do estudo, Max Taquet, da Universidade de Oxford, explicou que o estudo revelou que uma grande percentagem dos pacientes desenvolveram doenças como a depressão "apesar de não terem sido hospitalizados, tendo combatido a infeção em casa".

As doenças neurológicas mais comuns descobertas nesta análise foram AVC's, derrames cerebrais, demência e distúrbios psicóticos.

O estudo avaliou 236 379 pacientes norte-americanos infetados com a Covid-19 e teve em consideração fatores de risco conhecidos, como idade, sexo, raça, condições físicas e mentais subjacentes e privação socioeconômica, explica o The Guardian.

Os investigadores descobriram ainda que o desenvolvimento de doenças neurológicas são mais comuns após a infeção da Covid-19 do que após outras infeções respiratórias como a gripe.

 

Ver comentários