Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Ingleses com mais 386 mil euros para procurar Maddie

Equipa da polícia não resolve o caso.
Sérgio A. Vitorino 4 de Outubro de 2020 às 09:39
Maddie desapareceu em 2007
Maddie McCann
Maddie desapareceu em 2007
Maddie McCann
Maddie desapareceu em 2007
Maddie McCann
A equipa da polícia britânica que tem a única missão de encontrar Maddie McCann, a menina inglesa que desapareceu em 2007 no Algarve, quando tinha 3 anos, recebeu nos últimos dias um reforço orçamental de 386 mil euros, elevando o total gasto na operação Grange (como é chamada) para mais de 13,6 milhões de euros desde que foi criada em 2011 pelo então primeiro-ministro David Cameron.

Os gastos têm sido criticados em Inglaterra. A equipa, que chegou a ter 31 detetives em exclusivo mas agora estará reduzida a seis, nunca apresentou resultados. De acordo com a Polícia Metropolitana, o reforço de fundos permitirá à operação Grange manter-se ativa até 31 de março de 2021.

As autoridades britânicas apostam agora em validar a teoria da polícia federal alemã, de que Maddie - que desapareceu do apartamento onde dormia enquanto os pais jantavam a 100 metros - foi raptada e morta por Christian Brueckner, um criminoso sexual alemão que vivia, na altura, no Algarve e está agora preso na Alemanha. As autoridades terão mesmo contratado um recluso para tentar obter uma confissão ao suspeito.
Ver comentários