Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Já há aviões a voar vazios por causa do coronavírus

Surto global está a provocar um fenómeno na aviação que está a ser apelidado de 'Ghost Flights'.
Correio da Manhã 10 de Março de 2020 às 11:11
A carregar o vídeo ...
Há aviões a voar quase vazios devido ao surto de coronavírus. Veja as imagens
O surto global de coronavírus está a provocar vários cancelamentos de voos, por parte dos passageiros mas também de várias companhias aéreas, numa altura em que o medo generalizado provocado pela doença se está a alastrar aos quatro cantos do planeta. 
No entanto, várias empresas de aviação continuam a efetuar voos, muitos deles vazios, provocando um fenómeno que está a ser apelidadado de 'Ghost Flights' ('Voos Fantasma', em português). 
Esta situação deve-se ao facto de as regras europeias obrigarem as companhias aéreas a cumprir 80% das vagas de horário adquiridas nos aeroportos, sob pena de as poderem perder. Estas vagas podem chegar a custar 66 milhões de euros, razão pela qual as empresas não querem arriscar ficar sem elas.
Estas viagens desnecessárias gastam milhares de litros de combustíveis e libertam emissões de dióxido de carbono, algo que está a gerar um alarme ao nível dos defensores climáticos.
A solução para este problema passaria pela suspensão das regras europeias no que diz respeito à ocupação de vagas, pelo menos até a situação estar regularizada. Para já, essa medida de emergência ainda só foi adotada pela China e por Hong Kong.
O caso levou o Secretário dos Transportes Públicos do Reino Unido, Grant Shapps, a endereçar uma carta à Airport Coordination Limited, empresa responsável pela gestão das vagas em 46 aeroportos por todo o mundo, apelando à suspensão da regra. 
"Este cenário não é aceitável. Não é do interesse da indústria, dos passageiros e do meio ambiente, por isso deve ser evitado", disse.

O responsável lembrou que a regra já foi levantada noutras épocas críticas para a aviação, tais como o surto de SARS e o período após os atentados do 11 de setembro.
economia negócios e finanças transportes aviação
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)