Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Leões doentes e desnutridos num parque no Sudão geram revolta

Animais são mantidos em gaiolas e têm escassez de alimentos e de medicamentos.
Correio da Manhã 20 de Janeiro de 2020 às 19:51
Leões doentes e desnutridos encontrados num parque no Sudão
Leões doentes e desnutridos encontrados num parque no Sudão
Leões doentes e desnutridos encontrados num parque no Sudão
Leões doentes e desnutridos encontrados num parque no Sudão
Leões doentes e desnutridos encontrados num parque no Sudão
Leões doentes e desnutridos encontrados num parque no Sudão

Cinco leões foram encontrados doentes e desnutridos no parque Al-Qureshi, em Cartum, no Sudão. Os animais são mantidos em gaiolas e há semanas que têm falta de alimentos e de medicamentos.

Em imagens divulgadas pelo ativista sudanês Osman Salih na rede social Twitter, podem ver-se os animais com as costelas salientes. O ativista revelou na publicação que: "a leoa doente morreu. A outra leoa está a melhorar e o leão está bem".

Depois de as fotografias serem divulgadas, milhares de pessoas foram ao parque para ver os animais. "Fiquei chocado quando vi os leões no parque… Os ossos estão a sair da pele", disse Osmar Salih, segundo avança a Agence France-Presse (AFP).

Foi criada uma campanha online para tentar salvar os animais, onde as pessoas também exigiram que os leões fossem transferidos para um local melhor.

As autoridades e os médicos do parque disseram que as condições dos animais se têm vindo a deteriorar nas últimas semanas, com alguns leões a perder quase dois terços do peso.

"A comida nem sempre está disponível. Muitas vezes compramos com o nosso próprio dinheiro para os alimentarmos", disse a gerente do parque, Essamelddine Hajjar, à AFP.

O parque, para além de ser administrado pelo município de Cartum é, em parte, financiado por doadores privados.

---
Siga o Correio da Manhã no Instagram

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)