Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se 'dominatrix' profissional

Australiana passou a ganhar milhares com novo trabalho.
25 de Fevereiro de 2021 às 19:08
Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se dominatrix profissional
Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se dominatrix profissional
Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se dominatrix profissional
Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se dominatrix profissional
Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se dominatrix profissional
Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se dominatrix profissional
Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se dominatrix profissional
Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se dominatrix profissional
Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se dominatrix profissional
Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se dominatrix profissional
Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se dominatrix profissional
Mãe com dois namorados demite-se de emprego em escritório e torna-se dominatrix profissional
Uma mulher australiana, mãe e a viver uma relação poliamorosa com dois homens, decidiu abandonar o seu emprego de escritório para se tornar dominatrix profissional. 

Tash Mia, de 35 anos, afirma que se apaixonou pelo novo trabalho e assume adorar dominar clientes submissos por isso transformou esta 'paixão' num trabalho a tempo inteiro.

A australiana afirma que conheceu este mundo através de uma amiga, também ela dominatrix, que tinha um parceiro sumisso. Essa amiga perguntou a Tash se queria experimentar e esta decidiu aceitar a oferta. 

Dois anos depois desta proposta da amiga, a australiana está a faturar muito mais do que ganhava no seu anterior emprego uma vez que o preços mínimo dos seus serviços é de 280 libras (aproximadamente 322 euros) e ascende a 2500 libras (aproximadamente 2880 euros) por hora para clientes com pedidos especiais.

"Os meus amigos não conseguem entender os meus clientes mais extremos que pedem para os esmurrar, pontapear e dar joelhadas... no entanto, estes são na verdade alguns dos meus clientes favoritos!", garante. 

A dominatrix admite ainda ter clientes favoritos. "É como tudo na vida, com algumas pessoas damo-nos naturalmente bem", conclui.

Tash explica ainda ter tido sorte uma vez que a amiga a treinou gratuitamente. A australiana explica que não é uma carreira barata de se começar visto que é preciso treino e as dominatrix experientes cobram uma taxa para ensinar novatas. 
Tash Mia desporto economia negócios e finanças
Ver comentários