Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Menino de 5 anos junta 2600 euros a vender limonada para ajudar bombeira baleada

Criança soube de tiroteio pela televisão e montou banca solidária.
Correio da Manhã 3 de Julho de 2020 às 08:23
Cooper montou banca de limonada para angariar dinheiro
Cooper montou banca de limonada para angariar dinheiro
Cooper montou banca de limonada para angariar dinheiro
Cooper montou banca de limonada para angariar dinheiro
Cooper montou banca de limonada para angariar dinheiro
Cooper montou banca de limonada para angariar dinheiro
Cooper montou banca de limonada para angariar dinheiro
Cooper montou banca de limonada para angariar dinheiro
Cooper montou banca de limonada para angariar dinheiro
Cooper montou banca de limonada para angariar dinheiro
Cooper montou banca de limonada para angariar dinheiro
Cooper montou banca de limonada para angariar dinheiro

Cooper Wallweber, um menino de 5 anos natural do estado norte-americano do Missouri, está a dar que falar depois de ter montado uma banca de limonada solidária. A criança soube de um tiroteio num restaurante local que deixou uma bombeira ferida e quis ajudar a mulher. Conseguiu juntar mais de 2600 euros (3 mil dólares) a vender limonada.

Segundo o canal KMOV 4 o pequeno Cooper ficou "de coração partido" ao ouvir a história de Arlydia Bufford, que foi atingida no tiroteio e ficou em estado crítico. "Ela levou um tiro e estava muito mal e foi para o hospital", lamentou a criança em entrevista.

Cooper pôs mãos à obra e, com a ajuda da irmã, montou uma banca de venda de limonada para angariar dinheiro para a bombeira conseguir pagar as despesas médicas. Era suposto a banca abrir só durante duas horas mas, em pouco tempo, os dois irmãos tinham uma fila interminável de pessoas que queriam ajudar.

"Apareceram-nos seis polícias e depois duas ambulâncias e depois dois carros dos bombeiros e mais uma série de camiões", conta Olivia, irmã de Cooper, que ficou surpreendida com a quantidade de pessoas que quiseram ajudar.

A bombeira que Cooper ajudou foi atingida num tiroteio ocorrido na semana passada. Um homem de 28 anos disparou várias vezes, matando uma mulher de 46 anos antes de voltar a disparar e atingir Arlydia, que estava com colegas bombeiros a jantar depois de uma formação de primeiros-socorros.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)