Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Moro nega interferência na polícia e recusa comparações com Bolsonaro

Juiz da Lava Jato prestou depoimento virtualmente à 10.ª Vara Federal de Brasília, na condição de testemunha, no âmbito da Operação Spoofing.
Lusa 9 de Julho de 2020 às 07:52
Bolsonaro e Sérgio Moro
Bolsonaro e Sérgio Moro FOTO: Direitos Reservados
O ex-ministro da Justiça brasileiro Sergio Moro prestou na quarta-feira depoimentos à justiça, tendo negado a sua interferência na Polícia Federal e recusado comparações com o Presidente, Jair Bolsonaro, a quem acusou dessa mesma irregularidade.

Moro, que foi juiz da Operação Lava Jato, prestou depoimento virtualmente à 10.ª Vara Federal de Brasília, na condição de testemunha, no âmbito da Operação Spoofing, que investiga pirataria cibernética contra autoridades do país.

O conteúdo das mensagens pirateadas de telefones como o de Sergio Moro e de procuradores da Lava Jato foi divulgado no ano passado pelo portal de jornalismo de investigação "The Intercept", na série de reportagens intitulada como "Vaza Jato".

Moro Jair Bolsonaro Presidente Sergio Moro Polícia Federal crime lei e justiça
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)