Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Morreu médico que alertou Boris Johnson para a falta de material de proteção entre os profissionais de saúde

Abdul Mabud Chowdhury enviou uma mensagem ao primeiro-ministro britânico a pedir "urgentemente" para garantir EPI.
Correio da Manhã 9 de Abril de 2020 às 14:09
Abdul Mabud Chowdhury
Abdul Mabud Chowdhury FOTO: Direitos Reservados / Facebook

Um médico diagnosticado com coronavírus morreu três semanas depois de alertar Boris Johnson para a falta de material de proteção individual entre os profissionais de saúde.

Abdul Mabud Chowdhury estava internado há 15 dias no hospital. A 18 de março enviou uma mensagem ao primeiro-ministro britânico a pedir "urgentemente" para garantir equipamentos de proteção individual para "cada trabalhador do NHS no Reino Unido".

Segundo a Sky News, o médico informou Johnson de que os profissionais de saúde "estavam em contato direto com os pacientes" e que tinham "um direito humano como outros de viver neste mundo livre de doenças".

Boris Johnson saúde médico coronavírus pandemia saúde britânicos primeiro ministro
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)