Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Morreu o primeiro doente que ficou curado do HIV

Norte-americano, livre do HIV desde 2007, lutava atualmente contra uma leucemia.
Correio da Manhã 1 de Outubro de 2020 às 07:33
Timothy Ray Brown
Timothy Ray Brown FOTO: Getty Images
Timothy Ray Brown, o primeiro doente com HIV a ser considerado clinicamente curado, morreu de cancro esta quarta-feira.

A notícia foi avançada pelo companheiro, Tim Hoeffgen, numa publicação no Facebook.

"É com grande pesar que anuncio que o Timothy faleceu...hoje à tarde, rodeado por mim e pelos amigos, após uma batalha de 5 meses contra a leucemia", pode ler-se na rede social.

Brown, nascido a 11 de março de 1966, foi diagnosticado com HIV em 1995. Ficou conhecido como 'O Paciente de Berlim' depois de, em 2007, ter desenvolvido uma forma agressiva de leucemia que o obrigou a um transplante de medula.

Timothy permaneceu livre do vírus durante mais de uma década. Em 2019, Brown teve uma recaída do cancro no sangue que, segundo os médicos, acabou por se espalhar pela coluna e pelo cérebro. O doente esteve ainda internado nos cuidados paliativos de um hospital na cidade de Palm Springs, na Califórnia.

O caso do norte-americano inspirou uma geração de médicos e pacientes infetados com o vírus da Sida, que ganharam esperanças de encontrar uma cura.
Timothy Ray Brown HIV saúde doenças cancro vírus Sida leucemia morte paciente de berlim timothy Ray Brown
Ver comentários