Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Mulher acolheu mais de 600 crianças nos últimos 50 anos e amava-os como "se fossem seus"

Linda Herring é conhecida por nunca ter negado uma criança ao longo do tempo em que esteve inserida no programa de acolhimento.
Correio da Manhã 19 de Janeiro de 2020 às 13:56
Mulher 'adota' mais de 600 crianças nos últimos 50 anos
Mulher 'adota' mais de 600 crianças nos últimos 50 anos
Mulher 'adota' mais de 600 crianças nos últimos 50 anos
Mulher 'adota' mais de 600 crianças nos últimos 50 anos
Mulher 'adota' mais de 600 crianças nos últimos 50 anos
Mulher 'adota' mais de 600 crianças nos últimos 50 anos
Linda Herring, de 75 anos, ficou conhecida por ter acolhido 600 crianças ao longo dos últimos 50 anos em Iowa, EUA. De acordo com o centro de acolhimento Johnson County, esta nunca recusou uma criança durante o período em que prestou assistência social e alimentou, cuidou e criou centenas de crianças "como se fossem suas". 

A mulher deu os primeiros passos como família de acolhimento após acompanhar observar o trabalho que a melhor amiga realizava ao acolher adolescentes. A partir desse momento, Linda solicitou aos recursos humanos do centro de acolhimento local que fosse informada quando chegassem crianças com necessidades especiais. 

O seu principal objetivo era fazer da casa onde vive um abrigo para todas as crianças que necessitam de roupa, comida e, acima de tudo, muito amor. Durante as últimas décadas, Linda geriu uma creche doméstica para as famílias locais, foi guarda vigilante noturna numa escola próxima e ainda foi socorrista durante cerca de 50 anos. 

Para Linda qualquer criança merecia o seu apoio e amor, independentemente do género, idade ou antecendente. A mulher tem, juntamente com o marido Bo, oito filhos seus, três dos quais são adotados e desses três, dois têm necessidades especiais. 

Dani, uma das filhas adotivas de Linda e Bob, é completamente dependente de terceiros. Não se esperava que Dani tivesse muitos anos de vida, porém atualmente, com 29 anos, ainda é acompanhada por Linda. 

Três dos seus filhos biológicos, bem como os netos, integram o programa e prestam apoio a crianças.

Em outubro de 2019 Linda anunciou que se afastaria do programa de acolhimento por questões de saúde e, esta terça-feira o centro Johnson County ofereceu-lhe um certificado de forma a honrar os serviços prestados pela mesma ao longo das últimas décadas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)