Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Mulher vestida dá à luz em pé enquanto é detida na fronteira entre o México e os EUA

Grávida de 27 anos foi repetidamente instruída a sentar-se enquanto aguardava o processo de revista, em Chula Vista.
Correio da Manhã 10 de Abril de 2020 às 07:20
Bebé
Bebé FOTO: Getty Images

Uma mulher com sintomas de gripe deu à luz em pé e completamente vestida ao mesmo tempo que foi detida perto da fronteira entre o México e os EUA , de acordo com a União Americana das Liberdades Civis.

Segundo o Independent, a jovem de 27 anos, com nacionalidade guatemalteca, estava a ser revistada no posto de patrulha na fronteira de Chula Vista, perto de San Diego, quando começou com queixas de dor. Os pedidos de ajuda foram supostamente ignorados pelos agentes, de acordo com uma queixa apresentada na quarta-feira pela União Americana das Liberdades Civis (ACLU) e pelo Serviço da Família Judaica de San Diego. 

A mulher foi repetidamente instruída a sentar-se enquanto aguardava o processo de revista. Ao ouvir o choro de um bebé, o marido tirou as calças à mulher para revelar a cabeça do recém-nascido, enquanto as duas filhas, de 2 e 12 anos, testemunhavam o episódio.

Depois de entrar ilegalmente no país, a família foi detida, mas "não parecia estar em perigo e não solicitou atendimento médico", informou a agência.

"Graças aos recursos médicos disponíveis nas nossas estações, esta mulher e o filho foram bem cuidados e receberam ajuda médica imediata", disse o agente-chefe da patrulha Aaron Heitke. 

"Este caso horrível é apenas o mais recente e um dos exemplos mais flagrantes dos abusos", afirmou a advogada da ACLU, Monika Y. Langarica.

Numa carta dirigida ao inspetor-geral do Departamento de Segurança Interna, Joseph Cuffari, o senador democrata Richard Blumenthal exigiu uma investigação sobre o incidente, bem como outros maus-tratos a mulheres grávidas sob custódia.

Na carta, Blumenthal sublinhou que a mulher não podia tomar banho depois do parto. Ao voltar do hospital para a estação da Patrulha da Fronteira, dois dias depois, foi recusada uma manta para ao bebé.

EUA México União Americana das Liberdades Civis Richard Blumenthal ACLU crime lei e justiça polícia saúde
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)