Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Oposição da Costa do Marfim apela à "desobediência civil" nas eleições presidenciais

"Face a este crime, apenas uma palavra de ordem: a desobediência civil!", afirmou Henri Konan Bédié.
Lusa 20 de Setembro de 2020 às 21:27
Henri Konan Bédié
Henri Konan Bédié FOTO: LUC GNAGO / REUTERS
O ex-presidente da Costa do Marfim, Henri Konan Bédié, apelou este domingo, em nome da oposição, à "desobediência civil" face ao "crime" da candidatura, a um terceiro mandato, de Alassane Ouattara às eleições presidenciais de 31 de outubro.

"Face a este crime, apenas uma palavra de ordem: a desobediência civil!", afirmou Henri Konan Bédié, no final de uma reunião dos principais partidos da oposição em Abidjan, relatou a Agência France Presse.

"Estamos aqui para expressar a nossa feroz oposição a esta violação da Constituição", disse Bédié, sem adiantar mais detalhes.

Costa do Marfim Henri Konan Bédié Alassane Ouattara política eleições
Ver comentários