Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Pai e madrasta matam criança de 11 anos ao forçá-la a ingerir grandes quantidades de água

Menino tinha ainda vários hematomas no corpo.
18 de Junho de 2020 às 20:40
Zachary Sabin
Ryan Sabin, de 41 anos
Tara Sabin, de 42 anos
Zachary Sabin
Ryan Sabin, de 41 anos
Tara Sabin, de 42 anos
Zachary Sabin
Ryan Sabin, de 41 anos
Tara Sabin, de 42 anos
Ryan Sabin, de 41 anos, e Tara Sabin, de 42, foram acusados de matar Zachary Sabin, 11 anos, forçando-o a ingerir grandes quantidades de água. 

De acordo com o jornal britânico Mirror, o menino - filho de Ryan e enteado de Tara - foi encontrado encharcado em urina e com diversos hematomas no corpo. 

O pai e a madrasta, do Colorado, nos Estados Unidos, entregaram-se esta terça-feira às autoridades. Enfrentam acusações de abuso infantil que resultou na morte do menino. 

Há também suspeitas de que Zachary também tenha sido abusado fisicamente. Os hematomas foram encontrados na cabeça, braços, canela e nádegas.

A madrasta alega que obrigaram o menino a beber água porque tinha uma urina muito "escura" e com "mau cheiro" e este usava fralda por ter "um problema médico". 

Ela disse às autoridades que ele usava uma fralda à noite por causa de um "problema médico". O menor morreu por excesso de água a 11 de março, segundo constatou Serviço Médico Legal de El Paso.

Ryan Sabin Tara Zachary Sabin
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)