Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país. Veja as imagens

Pontífice percorreu o Iraque tendo-se deslocado a Bagdade, Mossul, Qaragosh, Ur e Erbil.
Lusa 8 de Março de 2021 às 08:35
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias ao país
O Papa Francisco deixou esta segunda-feira o Iraque após a primeira visita de um chefe de Estado do Vaticano ao país não se tendo registado incidentes em territórios marcados pela guerra, constataram os repórteres da AFP.

Desde sexta-feira que o Papa percorreu o Iraque tendo-se deslocado a Bagdade, Mossul, Qaragosh, Ur e Erbil.

O chefe de Estado do Vaticano defendeu uma das mais antigas comunidades cristãs do mundo perante o aiatola Ali Sistani, referência religiosa dos muçulmanos xiitas do Iraque.

Francisco Iraque AFP Papa religião líderes religiosos política diplomacia
Ver comentários