Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Parlamento espanhol inicia discussão de moção de censura da extrema-direita

Moção está condenada ao fracasso, por falta do apoio de outras forças políticas.
Lusa 21 de Outubro de 2020 às 08:59
Santiago Abascal, líder do Vox
Santiago Abascal, líder do Vox
Santiago Abascal, líder do Vox
Santiago Abascal, líder do Vox
Santiago Abascal, líder do Vox
Santiago Abascal, líder do Vox
Santiago Abascal, líder do Vox
Santiago Abascal, líder do Vox
Santiago Abascal, líder do Vox
O parlamento espanhol iniciou esta manhã o debate de uma moção de censura ao Governo de esquerda apresentada pelo partido de extrema-direita Vox, que está condenada ao fracasso, por falta do apoio de outras forças políticas.

A iniciativa, que será votada na quinta-feira, só deverá ter o apoio dos 82 parlamentares do Vox, um número insuficiente e longe da maioria absoluta necessária de 176 votos num total de 350 membros do Congresso dos Deputados (câmara baixa das Cortes).

A moção de censura coloca numa situação delicada a maior formação de direita da oposição, o Partido Popular (PP) que não vai apoiar a iniciativa mas ainda não esclareceu se o seu voto será uma abstenção ou um "não".

Governo Vox política parlamento
Ver comentários