Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Prima do rei de Espanha é a primeira morte nas famílias reais por coronavírus

María Teresa de Bourbon-Parma tinha 86 anos. Morreu em Paris, na quinta-feira.
Cátia Andrea Costa / SÁBADO 28 de Março de 2020 às 15:59
María Teresa de Bourbon-Parma
María Teresa de Bourbon-Parma
A princesa María Teresa de Bourbon-Parma é a primeira vítima mortal pertencente a famílias reais da covid-19. A prima do rei de Espanha, Felipe VI, morreu na quinta-feira, aos 86 anos, em Paris, segundo um comunicado do seu irmão mais novo, Sixto Enrique de Borbón-Parma.

Segundo a imprensa espanhola, María Teresa nunca casou e não teve filhos. Era filha do príncipe Xavier de Borbón-Parma e Madeleine de Borbón-Busset.

A princesa é o primeiro elemento de uma família real a morrer por infeção de novo coronavírus, mas existem mais casos positivos nas casas reais: Alberto do Mónaco, Carlos de Inglaterra e o arquiduque de Áustria, Karl von Habsburg. 

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 600 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram quase 28.000.

Dos casos de infeção, pelo menos 129.100 são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Vários países adotaram medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)