Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

"Respeitamos o direito de Portugal tomar as suas próprias decisões", admite subsecretário EUA

Sobre a relação de Lisboa com Washington Keith Krach afirmou que "não estamos a pedir a ninguém para desacoplar ou algo assim" .
Lusa 1 de Outubro de 2020 às 18:59
Keith Krach
Keith Krach FOTO: Getty
O subsecretário de Estado norte-americano Keith Krach disse esta quinta-feira, em entrevista à Lusa, que os Estados Unidos respeitam o direito de Portugal tomar as suas próprias decisões, quando questionado sobre as relações entre Lisboa e Pequim.

O subsecretário do Departamento de Estado para o Crescimento Económico, Energia e Ambiente falou à Lusa em Lisboa, no âmbito de um périplo que está a realizar em oito países europeus, entre os quais Portugal, onde o tema da segurança do 5G e a exclusão da chinesa Huawei na nova rede de quinta geração está na agenda.

Questionado sobre se o facto de empresas portuguesas manterem uma relação comercial com empresas chinesas coloca em perigo a relação de Lisboa com Washington, Keith Krach afirmou: "Não estamos a pedir a ninguém para desacoplar ou algo assim".

Ver comentários