Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

São Paulo vai receber cinco milhões de doses de vacina chinesa contra a Covid-19 em outubro, avança governador

Prevê-se que até dezembro o estado brasileiro receba 46 milhões de doses da vacina contra o novo coronavírus.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 21 de Setembro de 2020 às 19:56
Coronavírus no Brasil
Coronavírus no Brasil FOTO: Reuters

O estado brasileiro de São Paulo vai receber já no próximo mês de outubro cinco milhões de doses da Coronavac, a vacina contra o novo coronavírus que está a ser desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac Biotech em parceria com o Instituto Butantan, da cidade de São Paulo. O anúncio foi feito pelo governador paulista, João Dória, numa publicação na sua página no Instagram.

"Ainda no mês de outubro receberemos as primeiras cinco milhões de doses da Coronavac. Até Dezembro, já teremos 46 milhões de doses em São Paulo."-Escreveu Doria na sua página.

Na mesma publicação, o governador, adversário de Jair Bolsonaro na política e na forma de o presidente enfrentar a pandemia da Covid-19, que o chefe de Estado minimiza desde o início, Doria ressaltou ainda que o acordo entre o estado de São Paulo e o governo da China prevê a transferência de tecnologia do laboratório chinês para o Instituto Butantan. Com isso, reforçou o governador do estado, além desses 46 milhões de doses que serão enviados da China o laboratório paulista poderá em breve começar a produzir também a vacina.

Ainda de acordo com o que Doria escreveu, as doses da vacina chinesa que chegarão a São Paulo até Dezembro vão ser envasadas e guardadas até que sejam finalizados e aprovados os últimos testes em humanos. Só depois disso é que os 45 milhões de habitantes do estado de São Paulo começarão a ser imunizados, o que Doria estimou poder acontecer ainda em Dezembro deste ano ou em Janeiro de 2021.
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Ver comentários