Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Tempestade de neve na costa nordeste dos EUA obriga a cancelamento de 1.000 voos

Estados como Virgínia e Nova Jérsia já declararam estado de emergência.
Lusa 29 de Janeiro de 2022 às 07:26
Neve nos Estados Unidos da América
Neve nos Estados Unidos da América FOTO: Reuters
A costa nordeste dos Estados Unidos prepara-se para uma tempestade neve e fortes rajadas de vento esperadas a partir desta noite, o que já levou ao cancelamento de cerca de 1.000 voos marcados para hoje.

Conforme alertou o Serviço Nacional de Meteorologia, citado pela EFE, a tempestade deverá começar esta sexta-feira, na costa da Carolina do Norte, movendo-se depois em direção à área da Nova Inglaterra, onde é esperada queda de neve no sábado.

A zona mais afetada deverá ser o leste de Long Island (Nova Iorque) e a linha costeira desde Cape Cod (Massachussetts) até ao sudeste do Maine, esperando-se até 60 centímetros de neve acumulada, o que colocou as autoridades em alerta, tornando "quase impossível" qualquer viagem, alertaram.

As companhias aéreas cancelaram antecipadamente inúmeros voos de e para os principais aeroportos afetados, desde a Carolina do Norte até ao Maine, passando por Nova Iorque.

De acordo com o portal FlightAware, foram cancelados cerca de 1.000 voos marcados para hoje e mais de 2.000 no sábado.

As temperaturas vão baixar significativamente, no sábado, em todo o nordeste, devido ao vento frio.

Em certas zonas do Estado do Maine, as temperaturas poderão atingir os 30 graus Celsius negativos e causar "congelamento na pele exposta em menos de 30 minutos", de acordo com um aviso lançado pelas autoridades locais.

Os governadores de alguns estados, como Virgínia ou Nova Jérsia, declararam estado de emergência dias antes do início da tempestade, para mobilizar recursos, antecipando problemas que possam surgir, como cortes de energia.

Ver comentários