Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

TikTok apresenta queixa contra administração de Donald Trump

Presidente norte-americano proibiu transações com a ByteDance, dona da famosa rede social de vídeos.
Correio da Manhã 24 de Agosto de 2020 às 17:03
TikTok
TikTok FOTO: Reuters
A aplicação chinesa de partilha de vídeos TikTok, acusada de espionagem pelo presidente norte-americano, Donald Trump, avançou com uma queixa contra o Governo dos Estados Unidos da América. Trump tem acusado nos últimos meses, embora sem apresentar qualquer prova, a plataforma de utilizar dados de utilizadores norte-americanos para beneficiar Pequim.

A aplicação tem 80 milhões de utilizadores 
norte-americanos ativos e tem estado à procura de um comprador para as suas operações nos Estados Unidos, seguindo a proibição de Trump. A TikTok está em conversações com potenciais compradores, como por exemplo a Microsoft e a Oracle. A administração do presidente Donald Trump proibiu transações com a ByteDance.

"Para garantir que o estado de direito não seja descartado e que nossa empresa e utilizadorers sejam tratados de forma justa, não temos outra hipótese que não a de contestar a ordem executiva por meio do sistema judicial", disse um porta-voz da empresa.

Segundo a BBC, a TikTok espera que as ações ligais comecem esta semana.








Ver comentários