Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Tribunal alemão condena sírio a prisão perpétua em julgamento histórico

Homem condenado por crimes contra a humanidade no primeiro julgamento do mundo relacionado com abusos atribuídos ao regime de Bashar al-Assad.
Lusa 13 de Janeiro de 2022 às 11:10
Tribunal - imagem ilustrativa
Tribunal - imagem ilustrativa
Um tribunal alemão condenou esta um ex-coronel dos serviços secretos sírios a prisão perpétua por crimes contra a humanidade no primeiro julgamento do mundo relacionado com abusos atribuídos ao regime de Bashar al-Assad.

O Tribunal Regional Superior de Koblenz condenou o sírio Anwar Raslan, 58 anos, por matar 27 pessoas e torturar milhares de prisioneiros num centro de detenção secreto do governo de Al-Assad em Damasco entre 2011 e 2012.

Esta é a segunda condenação no julgamento, depois de um antigo oficial dos serviços secretos sírio ter sido condenado em fevereiro de 2021.

Bashar política crime lei e justiça espionagem
Ver comentários