Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

UE ultrapassa meta de fontes renováveis fixada para 2020. Portugal está em 5.º lugar

Quota do consumo bruto final de energia proveniente de fontes renováveis ultrapassou em dois pontos percentuais o objetivo traçado.
Lusa 19 de Janeiro de 2022 às 10:41
Portugal tem bom aproveitamento nas energias renováveis
Portugal tem bom aproveitamento nas energias renováveis FOTO: Bruno Simão
A quota de energias renováveis no consumo final bruto em 2020 na União Europeia (UE) foi de 22,1%, acima da meta fixada, com Portugal no quinto lugar da tabela dos Estados-membros (34%), divulga esta quarta-feira o Eurostat.

De acordo com dados divulgados esta quarta-feira pelo serviço estatístico da UE, na média dos 27 Estados-membros, a quota do consumo bruto final de energia proveniente de fontes renováveis (22,1%) ultrapassou em dois pontos percentuais o objetivo traçado (20%) para 2020.

Com mais de metade do consumo bruto final de energia proveniente de fontes renováveis, a Suécia (60,1%) apresentou em 2020 a maior quota, seguida da Finlândia (43,8%) e a Letónia (42,1%).

Portugal (34%) ocupa o quinto lugar da tabela dos Estados-membros com maior quota de energia proveniente de fontes renováveis, tendo ultrapassado a meta nacional de 31%.

No lado oposto da tabela, com as menores proporções de renováveis, estão Malta (10,7%), Luxemburgo (11,7%) e Bélgica (13%).

A França é o único país da UE que não atingiu o objetivo nacional para 2020, tendo a Eslovénia, os Países Baixos e a Bélgica chegado às respetivas metas, que foram ultrapassadas pelos restantes 23 Estados-membros.

UE União Europeia Portugal Eurostat Estados-membros Bélgica economia negócios e finanças macroeconomia
Ver comentários