Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Almeida Henriques

Capitalizar!

As empresas precisam de capitais próprios para investir e crescer a médio e longo prazo.

Almeida Henriques 21 de Junho de 2016 às 00:30
A palavra é feia, mas necessária e urgente. E não me refiro à situação da Seleção no Europeu de Futebol, com o credo na boca. Refiro-me ao programa que o Ministro da Economia apresentou há dias para reduzir o endividamento bancário das empresas (boia de salvação — ou perdição — de curto prazo) e melhorar as condições de financiamento das PME.

O pacote das medidas é bíblico e extenso (serão 131!), mas contém 15 ideias de implementação prioritária, que merecem nota muito positiva. Está de parabéns por isso o Ministro Caldeira Cabral e a "Estrutura de Missão para a Capitalização das Empresas", presidida por José António Barros.

As propostas são visionárias, mas exequíveis e relevantes. As PME são a nossa base produtiva e o seu pulmão financeiro encontra-se asfixiado.O financiamento bancário é conjuntural e não estrutural. E as empresas precisam de capitais próprios para investir e crescer a médio e longo prazo. Inovar, ampliar e internacionalizar exige robustez financeira. Por outro lado, há o Estado e, em particular, a máquina fiscal, que tem de ser parte da solução, e não do problema.

Não ajudamos à economia nacional com práticas hostis às empresas, mas amigas destas.A criação de um balcão único da Segurança Social e do Fisco para empresas em dificuldades ou insolvência é, por isso, uma boa medida, na esteira aliás do mecanismo criado pelo programa Revitalizar, lançado no anterior Governo, e que pude coordenar. Também por isto este programa é feliz: não deita fora o que vem de trás, mas valoriza-o e renova-o. Um sistema de "acerto de contas" que permita às firmas usar créditos que tenham no Estado para pagar dívidas é outra das propostas certeiras, que defendo há 20 anos.

No financiamento, destaco a criação de empresas de fomento económico, donas de capitais de PME e que as financiem. Touché!

Agora, como à Seleção, só falta concretizar!
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)