Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
9
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

António Magalhães

Mais um Ferrari nas mãos

Tolerância zero para Lopetegui: deram-lhe meios de luxo

António Magalhães 11 de Julho de 2015 às 00:30

A contratação de Jesus pelo Sporting elevou a fasquia da exigência em Alvalade. Do outro lado da 2ª Circular, o Benfica ostenta os galões de bicampeão, faz a sua serena revolução e reclama os poderes de uma estrutura capaz de dar seguimento às conquistas. Ora, acontece que o FC Porto tem vindo, dia após dia, a reforçar a teoria de que é bem capaz de haver um candidato mais… candidato do que os outros. E está a caminho de ser super, seja pelos milhões que vão seguramente transformar o orçamento desta época num dos mais onerosos de sempre, como pela qualidade de jogadores que Lopetegui vai ter à disposição. O técnico basco volta a ter nas mãos um Ferrari e, naturalmente, a tolerância será zero. Se no passado houve margem para entender o fracasso de uma época sem títulos com a má avaliação que Lopetegui fez da nossa liga e da realidade do futebol português (normalmente é aqui que a estrutura também dá uma ajuda, embora tenha ficado a sensação de que o treinador se colocou acima de qualquer influência), este ano, por este andar, não há atenuantes para ficar com o registo em branco.

Jesus Sporting Benfica FC Porto Ferrari desporto futebol
Ver comentários