Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Armando Esteves Pereira

Amante para mexer na TSU

Comparar a concertação social com um feira de gado, como fez um ministro, não é um insulto.

Armando Esteves Pereira(armandoestevespereira@cmjornal.pt) 16 de Janeiro de 2017 às 00:31
Comparar a concertação social com um feira de gado, como fez um ministro, não é um insulto.

Eventualmente é um desprimor para os seculares certames. No último acordo em sede de concertação, o ministro Vieira da Silva deu a redução de 1,25% da TSU paga pelas empresas para compensar a subida do salário mínimo para os 557 euros. PCP e Bloco ameaçam a mexida na TSU com apreciação no Parlamento.

Se o PSD votar com comunistas e bloquistas, o Governo tem um problema político. Mas o PS não pode estar casado em regime de poliamor com a esquerda e quando a relação corre mal esperar que o PSD seja a amante compreensiva que lhe sirva para um caso pontual.
Armando Esteves Pereira opinião
Ver comentários