Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Armando Esteves Pereira

Desculpa inaceitável

Ninguém pode alegar o desconhecimento da lei quando a infringe.

Armando Esteves Pereira(armandoestevespereira@cmjornal.pt) 3 de Março de 2015 às 00:30

Ninguém pode alegar o desconhecimento da lei quando a infringe. Mas se um governante usa esse argumento, já estamos no nível mais baixo da anomia. Há ainda o facto agravante de o cidadão em causa, agora primeiro-ministro, ter escapado às contribuições para a Segurança Social depois de ter sido deputado.

É lamentável que um chefe de governo fique chamuscado por alguns milhares de euros, mas foi este executivo que criminalizou as dívidas acima de 3500 euros e aperfeiçoou a máquina de coação fiscal que faz a vida negra a centenas de milhares de pequenas empresas e de trabalhadores precários para quem o pagamento à Segurança Social não é "opção", mas uma pesada obrigação.

Segurança Social economia negócios e finanças política crime lei e justiça
Ver comentários