Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
4
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Carlos Anjos

Ética e honra

Tornar públicas conversas privadas é simplesmente inenarrável.

Carlos Anjos 23 de Setembro de 2016 às 01:45
O que significa ética e honra? Durão Barroso tem sido desonrado por aceitar um lugar na Goldman Sachs. É acusado de falta de ética. José Sócrates é suspeito da prática de crimes gravíssimos. Fernando Lima, ex-assessor de Cavaco Silva, num assomo de coragem, veio contar as calhandrices da Presidência.

Ficamos a saber que o instigador do conflito entre Sócrates e Cavaco, a propósito do caso das escutas, foi, em última análise, um sem-abrigo no Campo Pequeno. Seria de rir se não fosse grave. Se os assessores têm este nível, percebemos agora a qualidade das decisões tomadas.

Por último, o livro do ex-diretor do ‘Expresso’. É um monumento a tudo o que não se deve fazer. Tornar públicas conversas privadas é inenarrável. Expor a intimidade de pessoas sem autorização, algumas que já morreram, é grave. Mas o livro tem uma coisa positiva.

Alguns dos ali versados têm sido dos que mais se insurgem com a publicação de escutas telefónicas. Diziam que era expor a intimidade privada. Agora, todos sabemos quem dava informações ao ‘Expresso’ e quem contava segredos de alcova. Se algum daqueles personagens tivesse acesso a uma escuta, era um fartar vilanagem. Ética e honra, apenas palavras bonitas nalgumas bocas.
Durão Barroso Goldman Sachs José Sócrates Fernando Lima Cavaco Silva Campo Pequeno Expresso ética honra
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)