Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
6
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Cristina Ferreira de Almeida

Bill e Ozzy sem reforma

Sharon e Ozzy Osbourne têm um estado civil complicado.

Cristina Ferreira de Almeida 18 de Maio de 2016 às 01:45
Bill Clinton e Ozzy Osbourne estão com o mesmo problema: acham a reforma uma treta. Aos 67 anos, o inglês, pai do heavy metal, está na estrada outra vez numa tournée chamada precisamente ‘A reforma é uma porcaria’.

Bill Clinton, 70 anos, dedicou os primeiros anos depois de sair da Casa Branca a acumular dinheiro com livros e conferências e faz agora a segunda campanha eleitoral da mulher.

Mas enquanto Hillary Clinton disse esta semana que, se ganhar as eleições, o marido terá um lugar no governo, Sharon Osbourne, gestora de carreira de Ozzy e que tem com ele um estado civil complicado, diz que não o quer ver, aos 75 anos, a cantar ‘Crazy Train’. O problema de Hillary Clinton é a saúde frágil de Bill. O problema de Sharon é a saúde de ferro de Ozzy Osbourne.
Bill Clinton Ozzy Osbourne Casa Branca Hillary Clinton Sharon Osbourne Crazy Train reforma
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)